História do Petróleo Brasileiro

História do Petróleo Brasileiro

Por

O Petróleo, chamado de Ouro Preto, tem uma história recente no Brasil. Em1858, José de Barros Pimentel ganhou o direito de extrair betume em terrenos situados nas margens do rio Marau, na Bahia. Este foi o primeiro registro da exploração de petróleo no Brasil.

Já em 1930, depois de vários poços perfurados sem sucesso, o engenheiro agrônomo Manoel Inácio Bastos soube que na cidade de Lobato, na Bahia, os moradores usavam uma “lama preta”, oleosa, para iluminar suas residências.

Depois de pesquisas e coletas de amostras da lama preta, o agrônomo não conseguiu apoio de influentes para dar continuidade à exploração e acabou sendo considerado “maníaco”.

Ainda assim, Manoel Inácio não desistiu. Em 1932, ele foi recebido pelo presidente Getúlio Vargas, a quem entregou um relatório sobre a presença da substância no município de Lobato. A partir daí, o petróleo ganhou fama no Brasil.

Em 1938, a atividade petrolífera passou a ser obrigatoriamente realizada por brasileiros e foi criado o Conselho Nacional do Petróleo.

Em 1941, um dos poços perfurados deu origem ao campo de Candeias, o primeiro a produzir petróleo no Brasil.

Como é possível notar, a descoberta e exploração do petróleo no Brasil começaram pela Bahia. Após essas descobertas, as perfurações prosseguiam em pequena escala o dia até 3 de outubro de 1953, quando o presidente Getúlio Vargas assinou a Lei intensa que instituiu o monopólio estatal da pesquisa e lavra, refino e transporte do petróleo e seus derivados. Esse fato culminou na criação da estatal Petróleo Brasileiro S.A. – a famosa Petrobras.

A história recente do petróleo no Brasil foi marcada pela descoberta do recurso em águas profundas, no mar. A Bacia de Campos, no litoral fluminense, foi por muito tempo a maior produtora de petróleo do país.

Em 2002, a Petrobras começou a buscar novas frentes exploratórias nas bacias de Santos e Espírito Santo e bacias ainda pouco exploradas, como as da costa sul da Bahia, Sergipe, Alagoas e da margem equatorial brasileira.

Em 2006, o Brasil se tornou auto-suficiente na produção de petróleo.

Juliana Miranda do GrupoEscolar.com

Leia também! Assuntos relevantes