História da Matemática  na China


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


História da Matemática na China

Por Maria João Lagarto

A civilização chinesa desenvolveu-se, desde o 3º milénio a.C., ao longo das margens do rio Amarelo e do Azul, na dinastia Hsia, iniciada pelo imperador Yu. Continuou com a dinastia Shang, por volta de 1500 a.C., que ocupou a região de Shangai. São desta dinastia os primeiros numerais chineses inscritos sobre carapaças de tartarugas e ossos de animais - os ossos oraculares que usavam para adivinhações. A dinastia Shang domina até cerca de 1027 a.C. A partir daí, o poder é exercido pela dinastia Chou; a China torna-se um Estado feudal.

O grande império desintegra-se, por volta do 700 a.C., e até aproximadamente, 400 a.C. coexistem estados independentes em, praticamente, permanente guerra uns com os outros.

É desta altura o primeiro texto sobre matemática - o Chou Pei Suan Ching - que contém um diálogo sobre as propriedades do triângulos rectângulos, e no qual o teorema de Pitágoras é enunciado e é dada uma sua demonstração geométrica. Neste livro existe uma breve explicação sobre o cálculo aritmético.

Foi nessa época que surgiram as duas principais correntes filosóficas da China: o confucionismo, que ressaltava os princípios morais, e o taoísmo, que defendia uma vida em harmonia com a natureza.



Por volta de 221 a.C. a China foi reunificada pelo imperador Shih Huang Ti. Este mandou queimar todos livros, centralizou o poder, construiu cidades, palácios e estradas, e iniciou a construção da ''Grande Muralha'' para deter as invasões das tribos mongólicas.



Na dinastia a seguir, a dinastia Han (200 a.C. a 220 d.C.), muitos dedicaram o seu tempo a transcrever, de memória, textos literários e científicos e a procurarem manuscritos que tivesses escapado à destruição. Foi nesta altura que o mais influente dos textos matemáticos chineses foi compilado - Chiu Chang Suan Shu (Os nove capítulos da arte matemática), o livro contém 246 problemas distribuídos por 9 capítulos. É também deste período o texto Shu Shu Chi Yi onde se encontra uma primeira abordagem dos quadrados mágicos.



A época compreendida entre os anos 221 e 581 é conhecida como a dos três reinados e das seis dinastias. Nesse período, a China sofreu divisões internas e o ataque de diversos povos nómadas (tibetanos, turcos e mongóis). Contudo esta época atribulada não pôs cobro à actividade matemática.

Neste período, viveu o matemático Liu Hui (c. 260), que comentou os Nove Capítulo e escreveu Haidao Suanjing - O manual da aritmética da ilha - escrito inicialmente como apêndice ao capítulo 9º dos Nove Capítulos o livro contém 9 problemas, versando o teorema de Pitágoras, com soluções. É também desta época o livro Sunzi Suanjing - Manual aritmético do Mestre Sol (c. 300 d.C.) - escrito por Sun Zi. O livro está dividido em 3 capítulos, o último dos quais tem uma colecção problemas aritméticos.

Na segunda metade do século V, aparece o Manual Aritmético escrito por Zhang Quijan, este livro contém 92 problemas divididos por 3 capítulos.



Em 581, a dinastia Sui (581 a 618), reunificou, de novo, o país.



Segui-se a dinastia Tang (618-906). Durante essa época, a China conheceu grande desenvolvimento artístico (poesia e pintura) e científico e entrou em contacto com outras civilizações, como a japonesa, a coreana, a indiana e a árabe. Este período foi caracterizado por uma forte influência estrangeira. É desta altura o texto Jigu Suanjing - Continuação da Matemática Antiga (cerca de 625). Foi escrito por Wang Xiatong, e contém 22 problemas sobre irrigação, construção de celeiros e resolução de triângulos rectângulos. É, também. deste período uma enciclopédia sobre a matemática clássica do passado - Suan Ching Shih Shu - Os Dez Manuais de Matemática.

O período de florescimento cultural e de expansão territorial da dinastia Tang terminou com a derrota chinesa frente aos árabes em 751, na fronteira norte-ocidental. A partir desse momento, começou uma fase de decadência e esta resultou em nova fragmentação que sobreveio à queda dos Tang, em 907.



O período das cinco dinastias e dos dez estados, entre 907 e 960, caracterizou-se pelo caos político.



A partir de 960, a dinastia Sung (960-1279) reorganizou o país impondo reformas tributárias que aliviaram a situação económica dos camponeses e favoreceram o comércio. Nessa época houve grande desenvolvimento cultural, com a difusão de textos impressos. Este período produziu alguns dos grandes matemáticos da China, especialmente do século XIII.






[ Pesquisa escolar lida 35005 Vezes - Categoria: Matemática ]


Estudantes Online | Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Sendo um veículo de comunicação, não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2014 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados