Guerra do Pacífico

Guerra do Pacífico

Guerra do Pacífico (1879-1883), conflito que envolveu três países sul-americanos, Chile, Peru e Bolívia, e culminou com a perda da saída ao mar desse último país.

A guerra foi provocada pela grande importância econômica adquirida pelos depósitos de salitre das regiões de Tarapacá (peruana), Antofagasta e Atacama (bolivianas).

Companhias chilenas aliadas a capitais britânicos iniciaram a exploração dessas jazidas mas o governo boliviano, receoso do excessivo crescimento das empresas estrangeiras, começou a colocar obstáculos à sua expansão.

O Chile apoiou seus empresários, provocando o início das hostilidades com a Bolívia. O Peru, que enfrentava o mesmo problema e tinha uma aliança defensiva com a Bolívia, decidiu participar do conflito, mas os dois países foram derrotados quando as tropas chilenas empurraram os bolivianos para o altiplano e conseguiram chegar a Lima, que ocuparam de 1881 a 1884. Em conseqüência de sua vitória, o Chile se apossou dos territórios em que suas companhias agiam, deixando a Bolívia isolada do litoral do Pacífico.

A guerra, também chamada “guerra do salitre”, foi o ponto de partida de um próspero período da economia chilena, que se prolongou até 1914 e ficou conhecido como ciclo do salitre.

Também recebeu o nome de Guerra do Pacífico o conflito entre a Espanha e o Peru, deflagrado em 1864, quando a antiga potência colonial tentou se apossar das ilhas Chincha, ricas em guano, para cobrança das dívidas peruanas.

O conflito se desenvolveu no mar, com poucas operações de ataque a portos.

Quando o Chile se manifestou a favor do Peru a frota espanhola respondeu com um precipitado bombardeio ao porto de Valparaíso, o que provocou a entrada do Chile no conflito. As forças navais espanholas se retiraram da região em 1866.


Fonte:
Créditos Imagem - http://www.naval.com.br/blog/wp-content/uploads/2008/12/attack_on_pearl_harbor_japanese_planes_prepare.jpg
http://www.slimsite.hpg.ig.com.br/pacifico.html

Leia também! Assuntos relevantes