Fusos horários


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Fusos horários

Cada uma das 24 faixas situadas entre os meridianos da Terra, dentro das quais a hora, por convenção, é a mesma. Estão distribuídas em intervalos de aproximadamente 15º, que corresponde ao ângulo que a Terra gira em uma hora. Conforme se passa de um fuso a outro, deve-se aumentar (a leste) ou diminuir (a oeste) uma hora no relógio. Os minutos e os segundos continuam os mesmos.

Antes da divisão da Terra em fusos, a Europa possuía 27 horas diferentes (hoje são três) e a América, 74 (hoje, cinco). Isso acontecia porque, como o principal referencial para a contagem do tempo é a posição do Sol, qualquer ponto do planeta poderia considerar como meio-dia o instante em que o sol está a pino. Muitas regiões próximas tinham horas diferentes, o que dificultava as comunicações entre os países.

Para resolver o problema, na Conferência de Roma (Itália), em 1883, optou-se por dividir a circunferência da Terra (de 360°) em 24 fusos horários de 15°. Toda a região situada dentro de um fuso passou a ter uma única hora. No ano seguinte, na Conferência de Washington (EUA), 27 nações adotaram o meridiano de Greenwich como ponto zero, já que a maior parte das cartas geográficas da época, que eram inglesas, usava esse meridiano. No decorrer do tempo, outros países começaram a seguir essa divisão. Atualmente, em todo o mundo, é a partir dele que as horas são contadas.

Hora legal - Com base na sua localização e nas suas peculiaridades, cada nação institui uma (ou mais) hora legal, que nem sempre corresponde exatamente ao fuso em que está situado. Se o país for muito vasto, estabelece mais de uma hora legal. A Federação Russa, por exemplo, possui doze horas diferentes. O Canadá tem oito, os EUA, seis, e o Brasil, quatro.

Linha Internacional da Data–Linha que acompanha o antimeridiano de Greenwich (180º), atravessando o oceano Pacífico. Por convenção internacional, esse meridiano determina a mudança de data civil em todo o planeta. Ao ultrapassar essa linha, exatamente no ponto em que ela se localiza, tem-se de alterar a data para o dia anterior (a leste) ou seguinte (a oeste) à partida. A hora, no entanto, é a mesma nas duas zonas. É o que acontece no Kiribati, uma pequena nação formada por diversas ilhas no oceano Pacífico, cujo território é dividido pela Linha Internacional da Data. Enquanto no leste do país seus habitantes aproveitam o domingo, na capital, Bairiki, já é segunda-feira.


Fonte:
http://leandrobrito.br.tripod.com/fusos.htm

http://www.mundovestibular.com.br/articles/97/1/FUSO-HORARIO/Paacutegina1.html




Leia também! Assuntos relevantes.

Greenwich
Cidade da Inglaterra, no subúrbio sudoeste da Grande Londres, às margens do rio Tâmisa. Famosa sobretudo pelo observatório construído em 1675 (fot...

Hora do Planeta
A Hora do Planeta é um movimento global desenvolvido anualmente pela organização não governamental WWF. O objetivo do projeto é unir as pessoas do pla...

Filo Sarcomastigophora
O Filo Sarcomastigophora é o que engloba os protozoários que apresentam locomoção por flagelos, ou Mastigophora; e os protozoários que se locomovem po...

Segundo o Ideb a educação brasileira está melhorando. Será?
O Ideb - Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, é um indicador da educação brasileira que foi criado em 2005 pelo governo para medir a qualidad...

Equação Horária do MRUV (Cinemática)
Equação Horária do MRUV O deslocamento de um corpo entre dois instantes dados é numericamente igual à área sob o gráfico velocidade instantânea x tem...

Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, estudos, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Somos um veículo de comunicação. Não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia ou reprodução de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2015 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados