Fundamentos e Metodologia para o Ensino de Língua Portuguesa


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Fundamentos e Metodologia para o Ensino de Língua Portuguesa

Por Josilene Queiroz Santos

TRABALHO DA DISCIPLINA DE FUNDAMENTOS E METODOLOGIA PARA O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA

Trabalho:
- Atividade 1

Observe o exemplo abaixo:

Exemplo de um exercício tirado de um livro didático:
Reescreva no seu caderno o trecho da história a seguir, substituindo as palavras sublinhadas por ele – ela – eles – elas.

Pedro estava arranjando o carro, enquanto Lígia fazia as malas.
Julinho queira ajudar na arrumação da bagagem deLígia, pois tudo estava atrasado.
Pedro conseguiu arrumar o carro, porque Fátima, Inês e Marcos também vieram ajudar.
Bernardo, porém, não pôde participar do passeio, porque estava adoentado e cheio de preguiça.

Resposta da atividade:
Ele estava arranjando o carro, enquanto ela fazia as malas. Ele queira ajudar na arrumação da bagagem dela, pois tudo estava atrasado.
Ele conseguiu arrumar o carro, porque eles também vieram ajudar. Ele, porém, não pôde participar do passeio, porque estava adoentado e cheio de preguiça.

a) Segundo os PCNS e segundo a concepção interacionista, este tipo de atividade é adequado para desenvolver a competência discursiva no aluno? Justifique.
Não, porque é preciso que se trablhe com textos que seja do interesse do aluno.

Em décadas passadas, o ensino do Língua Portuguesa errou, quando era transmitido ao aluno cartilhas com textos fora da realidade dos mesmos, dificultava o objetivo, que o aluno pudessem produzir e interpretar diversos tipos de textos.


b) Será que é suficiente ensinarmos aos alunos apenas o emprego dos pronomes com as devidas flexões de gênero e de número? Se qualquer um de nós falássemos dessa maneira, contássemos uma história asssim, faria sentido? Discorra sobre essas questõs.
Ensinar apenas as características de cada gênero, não faz com que ninguém aprenda a efetivamente. Não faz sentido falar dessa maneira nem tão pouco contar uma história assim, o ouvinte não entenderá nada. É preciso discutir porque e para quem . Essa diferança entre tratar os gêneros como conteúdos em si e ensiná-los no interior das práticas de leitura e escrita.

Cabe ao professor possibilitar que os alunos pratiquem os comportamentos de formar leitores e escritores, por issso, o professor deve utilizar textos de diferentes gêneros.

Por fim, vale destacar que quando os gêneros são ensinados como instrumento para a compreensão da Língua e com objetivo de formar alunos que aprendam a ler e escrever de verdade.


- Atividade 2
a) Quais fatos apresentados pelo autor são, segundo ele, extremamente importantes para quem pretednde ter uma visão mais adequada do fenômeno da linguagem?
Todas as Línguas variam, não existe nenhuma sociedade que todos falem do mesmo jeito. Pelo fato que a linguagem difere da região geográfica, de classe, de idade, de sexo e assim por diante. Outra questão é a variedade linguística, existi variedades de grupos de status diferentes e se refletem na língua.

O fato que é o autor aborda é o preconceito que muitas pessoas têm pelo o Brasil de achar que os Brasileiros são um povo desleixado na maneira de falar. Deve respeitar as variedades linguísticas em nosso país.


b) Cite um exemplo de variação linguística. Pode ser uma música, um texto,uma tirinha, desde que retrate um tipo de variação. Explique qual é a variação. Explique qual é a variação que você escolheu e por que ela acontece.
Assaltante Nordestino
“Ei, bichim...
Isso é um assalto... Arriba e nem faça bagunaç... Arrebola o dinheiro no mato e não faça pantim senão enfio o peixeira no teu bucho e bato teu pra fora.
Perdão meu Padim Ciço, mas é que eu tô com fome da moléstia.”


Variação geográfica ou diatópica, que retrata o modo como os Nordestinos falam, de acordo com Camacho, “ numa comunidade linguística relativamente extensa, onde todos falam o mesmo edioma, notam-se variações na forma de pronuciar”...

É comum presenciar preconceito entre os alunos , uma forma do professor trabalhar as variedades linguística tanto geográfico como também ligados à classe social, profissional, à idade e entre outras.


- Atividade 3
Escreve um texto discutindo a ideia que a tirinha busca explorar. Fale sobre o receio que as crianças possuem ao serem inseridas no contexto escolar, sobre a postura do professor ao acolher os alunose, principalmente , como devemos trabalhar a Língua Portuguesa com as crianças. Devemos impor as regras gramaticais ou precisamos respeitar a realidade dos alunos, mostrando as situações de uso da Língua? Aborde todos esses aspectos em um texto.

Infelizmente ainda hoje muitos dos professores têm essa atitude demonstrada pela tirinha, impôr conteúdo aos alunos sem se importar se eles realmente estão aprendendo, é preciso mudar essa atitude. Existem situações em que a reflexão sobre a Língua é maior do que outra. O importante é levar o aluno a entender a importância da linguagem, um trabalho de reflexão sobre os fatos de linguagem reais e concretos.

Percebe-se que nas aulas de grática há resultados e fracassos, método do certo e do errado, regras e exceções, até “musiquinhas” para decorar as regras são utilizadas principalmente nas escolas cujo material é apostilado. É possível afirmar que um dos problemas é tomar a gramática como língua, precisa respeitar a realidade dos alunos para tornar possível o aprendizado e acabar com a idéia que o “português é difícil mesmo”.


Bibliografia:
. www.educacaoonline.pro/br
. Revista Nova Escola
. Livro: ensino da língua portuguesa, Unopar


Texto enviado às 10:39 - 15 de dezembro de 2010
Autor: Josilene Queiroz Santos

Licença: Creative Commons License





Saiba mais

Buscas relacionadas a Fundamentos e Metodologia para o Ensino de Língua Portuguesa em Pedagogia.


[ Pesquisa escolar lida 18832 Vezes - Categoria: Pedagogia ]


Sugestão de Busca Escolar

Sites

Encceja
Enem
SISU
Prouni
FIES
Relacionamento

Fale Conosco
Feed / RSS

Comunidade no Google +
Comunidade no Twitter


Novidades no seu e-mail

Estudantes Online
Sobre o Grupo Escolar

GrupoEscolar.com - Todos direitos reservados

Todo o conteúdo do site é retirado da internet e/ou enviado pelos estudantes.

Caso algum conteúdo infrinja direitos autorais entre em contato que adicionaremos crédito ou retiraremos o mesmo.

As opiniões expressas nos textos são de responsabilidade dos seus autores.

Somos apenas um veículo de comunicação e não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.