Filo Sarcomastigophora

Filo Sarcomastigophora

Por

O Filo Sarcomastigophora é o que engloba os protozoários que apresentam locomoção por flagelos, ou Mastigophora; e os protozoários que se locomovem por pseudópodes, ou Sarcodina. Os protozoários flagelados incluem cerca de 6900 espécies diferentes.

No filo, há uma divisão entre fitoflagelados e zooflagelados. Os fitoflagelados são os que apresentam dois flagelos e possuem cloroplastos. Esses protozoários são semelhantes a plantas.

Já os zooflagelados podem ter muitos flagelos, não apresentam cloroplastos e são heterótrofos. Nesse grupo estão alguns tipos de parasitas.

De uma maneira geral, os protozoários do Filo Sarcomastigophora têm locomoção por flagelos, pseudópodes ou cílios. Esses organismos apresentam dois tipos de reprodução: assexuada e sexuada.

A palavra Sarcomastigophora vem do grego sarkos, que significa carne; de mastix, que significa flagelo; e de phora, que significa possuir. Os seres desse filo são protozoários unicelulares ou coloniais.

Dentro desse filo, podemos citar protozoários do Subfilo Sarcodina, como as amebas; e do Subfilo Mastigophora, como os flagelados Giardia e Trichomonas.

As amebas são protozoários que se encontram dispersos pela natureza ou que vivem no trato digestório humano. Elas se reproduzem por divisão binária.

Já as Trofozoítas são protozoários que vivem em colônias no intestino grosso, e em cistos. A trofozoíta tem um citoplasma granuloso e um núcleo com grânulos pequenos de cromatina.

Leia também! Assuntos relevantes