Fandango

O fandango é uma dança ou bailado com conotação marítima, pois seus personagens são todos ligados aos homens do mar: capitão, imediato, mestre e piloto, daí ser também conhecido como marujada em algumas partes do Brasil, pois essa dança vai com variações diversas, do Norte ao Sul.

A música, de origem européia (Portugal e Espanha), é executada em instrumentos de corda, como rabeca, violão, viola e, mais recentemente, cavaquinho e banjo.

O elenco se compões dos personagens acima citados e de duas alas de marujos, cantando e dançando temas atinentes do mar, como Nau Catarineta e Capitão da Armada.

A influência ibérica nota-se principalmente no Ceará, Bahia e Paraíba, onde é denominada barca e em que mouros atacam uma nau, são dominados e, finalmente, batizados.

O fandango retratando a epopéia dos homens do mar torna-se um tanto longo, durando até quatro horas, dividido em mais de vinte pares.

A dança em si é bastante diversa, segundo o local e a tradição. Em São Paulo, litoral sul, o fandango tem duas variações distintas: o rufado e o bailado, sendo o rufado dançado com o bater dos pés e o bailado apenas valsado, ainda que a liberdade que existe nessa dança permita também um grupo misto com a união do rufado-bailado. No Rio Grande do Sul, por exemplo, o fandango pode ser dançado apenas por um par.



Fonte:
http://www.abrasoffa.org.br/folclore/danfesfol/fandango.htm

Leia também! Assuntos relevantes