Estrutura do verbo (Radical | Terminação)


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Estrutura do verbo (Radical | Terminação)

Por Gisele e Marcelo

Estrutura do verbo (radical + terminação)
O verbo possui uma base comum de significação que é chamada de RADICAL. A esse radical se junta, em cada forma verbal, uma TERMINAÇÃO, da qual participa pelo menos um dos seguintes elementos:


Vogal temática ( -a- , -e-, -i- , respectivamente para verbos de 1ª, 2ª e 3ª conjugação)
Ex.: cant-a, beb-era, sorr-ira


Desinência temporal (ou modo temporal) - indica o tempo e o modo:
canta (ausência de sufixo), cant-a-va, cant-a-ra


Desinência número-pessoal - identifica a pessoa e o número:
canta (ausência de desinência), cant-a-va-s (2ª pessoa singular), cant-á-ra- mos (1ª pessoa plural)

Todo o mecanismo da formação dos tempos simples repousa na combinação harmônica desses elementos flexivos com um determinado radical verbal. Muitas vezes, falta um deles, como, por exemplo:

VOGAL TEMÁTICA, no presente do subjuntivo e, em decorrência, nas formas do imperativo dele derivadas: cante, cantes, cante, etc.

DESINÊNCIA TEMPORAL, no presente e no pretérito perfeito do indicativo, bem como nas formas do imperativo derivadas do presente do indicativo: canto, cantas, canta, etc.; cantei, cantaste, cantou, etc.; canta (tu), cantai (vós);

DESINÊNCIA PESSOAL,
a) na 3ª pessoa do singular do presente do indicativo (canta);
b) na 1ª e na 3ª pessoa do singular do imperfeito (cantava), do mais-que-perfeito (cantara) e do futuro do pretérito (cantaria) do indicativo;
c) na 1ª e na 3ª pessoa do singular do presente do subjuntivo (cante), do imperfeito do subjuntivo (cantasse) e do futuro do subjuntivo (cantar);
d) na 1ª e na 3ª pessoa do infinitivo pessoal (cantar).


Fonte:
http://marcelo.juvencio.sites.uol.com.br/sstre.htm




Leia também! Assuntos relevantes.

Verbos de regência oscilante
VTD ou VTI, com a prep. a: Assistir pode ser VTD ou VTI, com a prep. a, quando significar ajudar, prestar assistência. Minha família sempre assist...

Determinação dos pontos de fusão e ebulição
O ponto de fusão: O ponto de fusão depende das forças existentes entre as moléculas (ou entre íons, no caso de cristais iônicos) da substância sólida...

Verbos Intransitivos
São os verbos que não necessitam de complementação. Sozinhos, indicam a ação ou o fato. Assistir será intransitivo, quando significar morar. Assis...

Verbos Defectivos
Os verbos defectivos são aqueles que, quando conjugados, não apresentam algumas formas. É o que ocorre com o verbo falir no presente do indicativo, os...

Verbos Transitivos Diretos e Indiretos
São os verbos que possuem os dois complementos - objeto direto e objeto indireto. Chamar será VTDI, com a prep. a, quando significar repreender. ...

Verbos Transitivos Diretos
São verbos que indicam que o sujeito pratica a ação, sofrida por outro elemento, denominado objeto direto. Por essa razão, uma das maneiras mais fácei...

Verbos Irregulares
Chamamos de irregulares os verbos que não obedecem a um modelo fixo de conjugação, ou seja, verbos que apresentam modificações em suas terminações ou ...

Verbos Transitivos Indiretos
São verbos que se ligam ao complemento por meio de uma preposição. O complemento é denominado objeto indireto. O objeto indireto pode ser represent...

Radical
Radical é o termo comumente utilizado para designar o morfema lexical dos vocábulos. Radical é o núcleo invariável do vocábulo, que encerra a sign...

Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, estudos, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Somos um veículo de comunicação. Não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia ou reprodução de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2015 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados