Esquistossomose

Esquistossomose

Schistosoma mansoni
- Hospedeiro definitivo: Homem;
- Hospedeiro intermediário: Biomphalaria (caramujo)

A contaminação pelo Schistossoma mansoni se dá através da penetração de cercárias na pele (enzimas digestivas perfuram a pele) e caem na corrente sangüínea;

Essas passam para os vasos sangüíneos do fígado onde se transformam em Schistossomas adultos masculinos e femininos. Pode ocorrer a Esplenomegalia (aumento do fígado);

Esses, por sua vez, nadaram contrario a corrente sangüínea e cairão nos vasos sangüíneos do intestino onde ocorre reprodução sexuada (fêmea, mais delgada, se acopla no canal ginecófaro do macho) com produção de ovo embrionado que será eliminado pelas fezes (grande quantidade);

Na água ocorre eclosão do ovo embrionado com a liberação de miracídios;

Os miracídios penetram em um caramujo do gênero Biomphalaria onde se reproduzem assexuadamente com produção de novas cercárias, fechando o ciclo;

Profilaxia:
- Combate ao Biomphalaria;
- Predadores de larvas. (combate biológico);
- Tratamento dos doentes;
- Saneamento básico;

Leia também! Assuntos relevantes