Esopo

Por

Esopo foi um autor grego. Ele se destacou como fabulista. Nascido na região de Trácia, na Ásia Menor, no século VI a.C, Esopo foi um personagem mítico, que viveu durante anos como escravo e foi libertado por seu último senhor, o filósofo Janto.

Esopo é considerado o maior representante do estilo literário das "Fábulas". Ele fez muito sucesso em seu tempo, pois possuía um verdadeiro dom da palavra e uma habilidade impressionante para contar histórias.

Os textos de Esopo retratavam os animais e a natureza. As fábulas do autor grego serviram como fonte de inspiração para Jean de La Fontaine. As primeiras fábulas de Esopo datam do séc. III d. C, e foram traduzidas para diversas línguas.

Segundo os estudiosos da obra esopiana, Esopo escreveu mais de 358 fábulas, entre elas “A Raposa e as Uvas”, um clássico grego. Esopo foi um grande escritor da Grécia Antiga. Ele é considerado o pai da fábula, tendo instituído este gênero literário no mundo.

Os textos de Esopo se destacam por apresentar animais com características humanas. As fábulas do escritor foram recriadas por diversos autores ao longo dos séculos.

Leia também! Assuntos relevantes