Equilíbrio de corpos imersos e flutuantes

Equilíbrio de corpos imersos e flutuantes

Por

Na física, estudamos a hidrostática, área que analisa as influências e processos que fazem com que os corpos fiquem em equilíbrio quando imersos em um fluido. Dizemos que um corpo que flutua num liquido está em repouso e tem estabilidade vertical.

No caso do deslocamento do corpo para cima, haverá uma diminuição no volume do líquido deslocado, resultando numa força desequilibrada que atua para baixo e faz com que o corpo fique na posição inicial.

Todo objeto imerso ou flutuante está em equilíbrio estável quando seu centro de gravidade estiver abaixo do centro de carena. Contudo, alguns objetos flutuantes ficam em equilíbrio mesmo quando seu centro de gravidade está acima do centro de carena.

Lembrando que o centro de carena está localizado no centro do volume deslocado, ou seja, coincide com o centro de gravidade da seção transversal que está submersa. Para um corpo imerso ou flutuante que esteja em equilíbrio estático, o peso e a força de flutuação se equilibram enquanto agem sobre o corpo. Essa característica torna este corpo estável na direção vertical.

Quando um corpo flutuante é elevado ou abaixado por uma força vertical, esse corpo retornará a sua posição original depois que o efeito externo for removido. Com isso, temos que um corpo possui estabilidade vertical, e que os corpos flutuantes têm mais de uma posição de equilíbrio estável.

Leia também! Assuntos relevantes