Endometriose

Por

A Endometriose é uma doença feminina caracterizada por uma condição em que um tecido age como uma mucosa no organismo. O problema atinge a parte interna do útero, chamada de endométrio. A endometriose causa dor, sangramento e até infertilidade.

Na endometriose a mucosa do útero aumenta de tamanho. Quando as células endometriais crescem fora do útero, aparece a endometriose. O problema pode causar muita dor e deixar cicatrizes nas trompas e ovários.

A medicina não encontrou uma explicação para a endometriose. Uma das teorias é que a doença seja resultado das células endometriais liberadas durante a menstruação, que podem voltar para as trompas de Falópio e para dentro da pélvis, como uma menstruação retrógrada.

A endometriose pode estar relacionada a fatores genéticos. A doença costuma ser diagnosticada entre 25 e 35 anos de idade. Se uma mulher tem a mãe ou a irmã com endometriose, ela provavelmente terá seis vezes mais chances de desenvolver a doença.

Outros fatores de risco são menstruação precoce, não ter filhos, apresentar ciclos menstruais frequentes, ter menstruações com mais de sete dias e ter hífen não perfurado. Os exames que fazem o diagnóstico da doença são: exame pélvico, ultrassom transvaginal e laparoscopia pélvica.

O tratamento da endometriose é feito com medicamentos para a dor, cirurgia para retirar a endometriose e histerectomia para retirada dos dois ovários. Mulheres que não querem ter filhos podem optar pela retirada do útero, procedimento que garante a melhor chance de cura da endometriose.

A endometriose pode causar infertilidade, mas isso não acontece em todos os casos. Na ocorrência de uma endometriose leve, a cirurgia laparoscópica pode contribuir para aumentar a fertilidade e as chances de uma gravidez sem complicações.