Desnutrição Infantil no Brasil

Desnutrição Infantil no Brasil

Por

O Brasil sofreu durante vários anos com a desnutrição infantil extrema que atingia, principalmente, as regiões nordeste e norte do país. Essa realidade tem mudado, com uma redução significativa da taxa de desnutrição infantil, mas ainda existem regiões que necessitam de uma atenção especial.

Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil atingiu a meta estabelecida pela Organização das Nações Unidas no primeiro Objetivo de Desenvolvimento do Milênio e erradicou a extrema pobreza e a fome no país.

Entre 1989 e 2006, a proporção de crianças menores de cinco anos vítimas da desnutrição caiu de 7,1% para 1,8%. O Brasil ainda conseguiu reduzir a mortalidade infantil e materna nesse período.

O objetivo do governo é reduzir a mortalidade na infância para 17,9 óbitos por mil nascidos vivos até 2015. O Brasil já reduziu os óbitos por desnutrição na infância em 95%.

Segundo dados do Ministério da Saúde, em 2009, 505 crianças morreram por desnutrição no país, e o problema não foi completamente erradicado. Em 2011, por exemplo, o Brasil ainda tinha 32 mil crianças menores de cinco anos em estado de desnutrição grave, e 159 mil crianças com desnutrição crônica.

Leia também! Assuntos relevantes