Desidratação e secagem de alimentos

Desidratação e secagem de alimentos

Por

A desidratação e a secagem de alimentos são importantes métodos de conservação. Esses processos são usados para prolongar o prazo de validade dos alimentos, fazendo com que eles possam ser guardados e armazenados por longos períodos.

Esses métodos de conservação impedem que os alimentos estraguem com a ação do tempo. Procedimentos semelhantes já eram utilizados por homens pré-históricos, que usavam o sol para secar a comida e aproveitavam as cavernas com temperaturas amenas para armazenar alimentos.

O processo da secagem, ou desidratação do alimento, é um dos mais utilizados atualmente. A técnica é capaz de preservar os alimentos.

O homem moderno também utiliza técnicas como o enlatamento, o congelamento rápido, o uso de produtos químicos conservantes e outros processos para aumentar a vida útil de um alimento.

O processo de conservação é extremamente importante e funcional para a sociedade, e permite a conservação de diversos tipos de alimentos, como sucos, sardinhas, carne-de-sol, frutas secas, bacalhau e óleos vegetais. A secagem é um dos métodos mais antigos de conservação de alimentos, sendo muito empregada no meio rural.

Os benefícios da secagem são: grande conservação do alimento, diminuição do peso do produto para armazenamento e transporte, além de boa qualidade. A secagem visa reduzir o volume de água no alimento, conservando suas características físicas e nutritivas e evitando a proliferação de microrganismos. Dessa maneira, os alimentos ficam conservados para o consumo humano.

Alguns alimentos desidratados muito populares são: figos, banana-passa e uva-passa. O processo de conservação pode ser feito com secagem natural ou desidratação. A diferença entre os procedimentos é que a secagem natural coloca o alimento em contato com a luz do sol por longos períodos, enquanto a desidratação remove a umidade do alimento com a ajuda de equipamentos que controlam a temperatura, a umidade relativa e a velocidade do ar de secagem.

Leia também! Assuntos relevantes