denotacao-e-conotacao-na-linguagem-literaria Denotação e conotação na linguagem literária - Português - Grupo Escolar

Denotação e conotação na linguagem literária

Denotação e conotação na linguagem literária

Por

Na linguagem literária temos alguns recursos que podem enriquecer os textos, conferindo a eles aspectos subjetivos ou objetivos.

Temos dois sentidos possíveis de serem empregados nas construções literárias: a Conotação e a Denotação.

Conotação: textos com características subjetivas. Nessas construções, é comum o uso de palavras ou expressões que nos remetem a ideiais e associações que vêm da experiência individual ou coletiva. O sentido conotativo é empregado na literatura e na linguagem afetiva. Pode ter um significa emocional, sentimental.

Assim temos: sentido subjetivo – conotação ou conotativo.

Ex: Aquela menina é uma flor!


Denotação: é o sentido real, empregado principalmente na linguagem científica. A denotação aborda aspectos objetivos da realidade. É o sentido real das palavras, registrado nos dicionários.

Assim temos: sentido real – denotação ou denotativo.

Ex: As flores são cultivadas no Jardim Botânico.

Uma mesma palavra pode ser empregada no sentido denotativo e no sentido conotativo. Veja:

O homem foi preso em flagrante. – Sentido literal de preso (denotação)

O menino ficou preso na beleza da garota. – Sentido subjetivo de preso (conotação)

Leia também! Assuntos relevantes