Classes Gramaticais

Classes Gramaticais

Por

Todas as palavras que fazem parte da língua portuguesa podem ser classificadas, de acordo com um estudo morfológico. Em nosso idioma, as palavras são agrupadas em dez classes gramaticais: substantivo, artigo, adjetivo, pronome, numeral, verbo, advérbio, preposição, conjunção e interjeição.

Cada classe tem sua particularidade. Além disso, existem também as classes variáveis, que são aquelas que se flexionam no plural, no gênero, etc; e as invariáveis, que não sofrem alterações.


Confira as 10 classes gramaticais da língua portuguesa

Substantivo – Palavras que dão nome aos objetos, seres, lugares, sentimentos, etc. Variam em número (singular ou plural), gênero (masculino e feminino) e grau (diminutivo, aumentativo). Os substantivos podem ser simples, compostos, derivados, próprios, comuns, coletivos, concretos e abstratos.

Verbo – Palavras que indicam ações, fenômenos da natureza e estados.

Adjetivo – Palavras que atribuem qualidades.

Pronome – Palavras que podem acompanhar ou substituir um substantivo.

Artigo – Palavras que aparecem antes dos substantivos.

Preposição – Palavras que fazem a ligação de dois elementos em uma oração.

Conjunção – Palavras que ligam duas orações de valor gramatical semelhante.

Interjeição – Palavras que demonstram sentimentos e emoções.

Advérbio – Palavras que modificam os verbos, os adjetivos e os próprios advérbios.

Numeral – Palavras que indicam os números ou as posições.


As classes gramaticais consideradas variáveis são: o artigo, o adjetivo, o pronome, o numeral, o substantivo e o verbo. Já as classes gramaticais classificadas como invariáveis são: o advérbio, a conjunção, a interjeição e a preposição.

Este estudo é feito na área da linguística, dentro do campo da Morfologia. O objetivo é compreender a estrutura, a formação e a classificação de todas as palavras da língua portuguesa.

As análises dentro desta área de estudo são feitas com cada palavra isoladamente, a fim de identificar sua classe, participação e importância dentro da construção de frases ou períodos.

As dez classes gramaticais, ou classes morfológicas, são bastante cobradas em provas, como concursos públicos e vestibulares. O domínio dessas classes é fundamental para entender as frases e interpretar textos.

O estudo das classes leva em consideração a classificação de cada palavra no aspecto de sua representação sintática e morfológica. As classes gramaticais foram apresentadas pela primeira vez no tratado “A Arte da Gramática”, do filósofo Dionísio. Esta obra classificou as palavras em oito classes que, posteriormente, foram revisitadas, passadas ao latim e inseridas nas línguas modernas.


Assista à aula do professor Sidney Martins sobre Classes Gramaticais:


Com o passar dos anos, essa classificação foi evoluindo, até chegar às dez classes que conhecemos e utilizamos hoje.

Leia também! Assuntos relevantes