Cielito

Para hablar del Cielito, proponemos enfáticamente recurrir a los textos de Carlos Vega, este gran investigador hizo los estudios más completos de las contradanzas: Cielito, Pericón y Media Caña, en sus trabajos Las Danzas Populares Argentinas I y II.

Para falar do Cielito, propomos enfaticamente recorre aos textos de Carlos Vega, este grande investigador fez os estudos mais completos das contradanças: cielito, Pericón y Media Caña , em seus trabalhos As danças populares Argentinas I e II.

Esta foi a dança patriótica por excelência, levada desde Buenos Aires, em 1810, como marcha dos soldados ao Uruguai, ali se registra sua primeira versão, logo vai a Bolívia, segundo os estudos de Vega, não podendo haver nas primeiras excursões, campana com as do exercito de Belgrano. Logo vai a Mendoza e Chile com o General San Martín. Também vai ao Paraguay e não há datas precisas de sua chegada ao Peru

Existem vários documentos que provam a existencia do cielito no século XIX, algum vertígio em 1844 diz: “fazer involuntariamente os nervos da contemplativa e retirada ansiosa", de da donzela, do magistrado, do militar. Em 1868 um vestigio dizia que os bailes iniciavam-se “com o céu em homenagem ao país e aos sentimentos nacionais da dona da casa”.

O primeiro texto do cielito se publicou em 1813, a primeira versão musical foi escritaem 1816 e a primeira descrição coreográfica em 1818.

Muito mais são os dados que nos brindou o grande investigador sobre o Cielito que iremos contemplando com o tempo...

Leia também! Assuntos relevantes