Blogueira Cubana Yoani Sánchez

Blogueira Cubana Yoani Sánchez

Por

Yoani Sánchez é uma jornalista e blogueira cubana. Ela se formou em filologia, ciência que estuda o desenvolvimento dos idiomas, na Universidade de Havana, e depois emigrou para a Suíça, em 2002, para tentar construir uma nova vida, longe do regime político de Fidel Castro.

No entanto, dois anos depois, Yoani decidiu voltar para Cuba com a intenção de viver e ser livre em seu país. Lá, ela começou a escrever o blog chamado “Geração Y”, onde passou a criticar o comunismo cubano e a falta de liberdade de expressão imposta aos moradores da ilha.

Atualmente, a escritora atinge leitores de todo o mundo, em mais de 20 idiomas. Yoani lançou um livro recentemente, chamado “Havana real”, no qual fala sobre como é viver em Cuba.

Em novembro de 2009, o presidente dos EUA, Barack Obama, escreveu que o blog de Yoani "oferece ao mundo uma janela única para as realidades da vida cotidiana em Cuba". Obama aplaudiu os esforços da blogueira para "capacitar seus compatriotas a se expressar por meio do uso da tecnologia".

Yoani já foi listada pela revista Time como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo. A blogueira ganhou reconhecimento internacional por seu trabalho, e recebeu muitos prêmios. Hoje, Yoani é considerada uma das dissidentes mais importantes do mundo.

A popularidade também trouxe alguns problemas para Yoani. Algumas pessoas a acusam de se juntar aos Estados Unidos contra Cuba e a chamam de mercenária. Em visita ao Brasil, em 2013, Yoani Sánchez sofreu insultos e foi recebida com protestos. Segundo a blogueira, "qualquer opositor ao regime cubano é tachado de agente americano, mercenário, recrutado pela CIA ou pelo Pentágono, mas essa é a estratégia do governo para desviar a atenção do verdadeiro conflito na ilha”.

Yoani mora com o marido, o jornalista independente Reinaldo Escobar, e com seu filho adolescente Teo, em um apartamento em Havana.

Leia também! Assuntos relevantes