Astronomia Inca

Por

O povo Inca foi uma civilização de grande conhecimento sobre a natureza, a agricultura e a astronomia. Embora eles não conhecessem a escrita, seus conhecimentos de astronomia foram transmitidos ao mundo por cronistas espanhóis.

Os Incas tinham tamanho conhecimento astronômico que criaram a divisão do ano inca, que correspondia ao ano solar de 365 dias, divididos em 12 meses lunares. Estas informações eram usadas pelos Incas para marcar atividades religiosas e o cultivo de alimentos.

Os astrônomos incas faziam, inclusive, ajustes no calendário para evitar que acontecesse uma diferença entre o número de dias de um ano para o outro. Eles faziam isso com cuidado para evitar que erros no calendário pudessem comprometer as atividades agrícolas e os rituais religiosos.

Os Incas construíram o relógio do sol na cidade de Machu Pichu. Este relógio indicava os dias do ano, o início e o fim de cada estação e as principais datas do calendário agrícola e do calendário religioso inca.

Este povo acreditava que a astronomia, a religião e a agricultura estavam relacionadas. Eles usavam a Via Láctea, uma nuvem esbranquiçada e oblíqua, e também as constelações para guiar suas atividades. Os Incas já conheciam as constelações de Órion, Escorpião e Cruzeiro do Sul.

Os sacerdotes Incas também se guiavam pelo Solstício de Inverno para realizar uma peregrinação cerimonial anual de Cuzco até La Raya, um lugar onde eles acreditavam que o Sol nascia. Os Incas também usavam a astronomia para orientação e para entender o clima terrestre. Todo o conhecimento da época era baseado nas constelações.

Leia também! Assuntos relevantes