América espanhola

América espanhola

Por

Chamamos de América Espanhola ou Hispânica, as porções do continente americano que foram colonizadas pelos espanhóis. Países da América do Norte, América Central e América do Sul que apresentam países cuja língua oficial é o castelhano são considerados parte da América Espanhola.

Além do idioma, os aspectos culturais diferenciam os países colonizados pelos espanhóis dos países colonizados pelos portugueses ou franceses.

Assim como Portugal, a Espanha era um país mercantilista, ou seja, a colonização visava apenas a exploração de suas colônias, o lucro adivinha da mão de obra barata e dos recursos provenientes da terra, como minérios, agricultura e pecuária.

Exploração da mão-de-obra concentrou-se na população indígena, incidindo muito menos sobre os negros, como ocorreu nas colônias portuguesas.

Independência
Novamente os aspectos culturais fizeram a diferença. No século XIX a Europa viveu um momento único, chamado Iluminismo. Esse movimento, de origem filosófica, inspirou muitos homens cultos a espalhar ideias de liberdade e igualdade entre os homens. Muitas dessas ideias chegaram até as colônias através dos criollos, brancos nascidos na América, donos de propriedades ou comerciantes que possuíam algum dinheiro.

Muitos desses criollos estudaram em universidades europeias e lá obtiveram instrução e influências do Iluminismo. Quando se iniciou o conflito entre França e Inglaterra, a América Espanhola ganhou força e foram depostos todos os governantes espanhóis.

Leia também! Assuntos relevantes