8 de março | Dia Internacional da Mulher

8 de março | Dia Internacional da Mulher

Por

O Dia Internacional da Mulher é celebrado em 8 de março, mas, antes de falarmos sobre tal data histórica, é importante ressaltar que as mulheres merecem ser celebradas, homenageadas e amadas todos os dias do ano por sua capacidade de superação, força, determinação e coragem.

Historicamente, o dia internacional da mulher nos remete a 25 de março de 1857, data em que operárias de uma fábrica de tecidos de Nova Iorque entraram em greve e realizaram uma ocupação em prol de melhores condições de trabalho. Entre outras coisas, as mulheres exigiam redução na carga horária diária e equiparação salarial com os homens.

Essa manifestação ficou marcada pela força e violência que foram utilizadas contra as mulheres. As operárias acabaram presas dentro da fábrica, que foi incendiada. Tal ato criminoso resultou na morte de 130 tecelãs, que foram carbonizadas.

Anos depois, já em 1910, aconteceu uma conferência na Dinamarca, a chamada II Conferência Internacional de Mulheres Socialistas, na qual criou-se o dia internacional da mulher, em 8 de março, como uma homenagem às mulheres que morreram em 1857. A data foi oficialmente reconhecida em 1975, pela ONU (Organização das Nações Unidas).


Uma data para reflexão

Mais do que prestar homenagens às mulheres, o dia 8 de março surgiu com o intuito de promover reflexão. A data é marcada todos os anos pela realização de diversas conferências e reuniões sobre os direitos das mulheres. O foco é sempre o fim do preconceito, da violência e das desigualdades as quais as mulheres ainda são submetidas na sociedade moderna.

O dia internacional da mulher é uma boa data para discutir questões como baixos salários, dificuldades de obter sucesso profissional num mundo dominado pelos homens, violência física e sexual e os direitos das mulheres.

O primeiro Dia Nacional da Mulher foi comemorado em maio de 1908, nos Estados Unidos. Em 1945, a ONU assinou o primeiro acordo internacional para promover a igualdade entre homens e mulheres.

Atualmente, o 8 de março é visto como uma chance de discutir políticas e ações concretas que possam beneficiar as mulheres, além de reforçar a luta feminina por direitos iguais e igualdade de gêneros.

Leia também! Assuntos relevantes